Governo manterá 40% do efetivo de reforço da Operação RS Verão Total no Litoral até 22 de março

Para manter intensificados os esforços de fiscalização das medidas preventivas contra a Covid-19, o governo do Estado decidiu prolongar até o dia 22 a presença de 40% do efetivo de reforço deslocado ao Litoral pela Operação RS Verão Total. Prevista para encerrar em 1º de março, a mobilização do período de veraneio já havia sido estendida até a próxima segunda-feira (15/3).

Agora, a permanência do efetivo extra de Brigada Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Instituto-Geral de Perícias e Departamento Estadual de Trânsito foi ampliada até a data para qual está programada a retomada da cogestão no sistema do Distanciamento Controlado – no qual municípios podem adotar protocolos da bandeira abaixo na escala de risco. Com as medidas de restrições adotadas desde o final de fevereiro e a criação de 183 novos leitos de UTI, o que eleva para 157% o crescimento da capacidade de terapia intensiva no RS, a projeção do Gabinete de Crise é de que, daqui uma semana, haverá possibilidade de que de algumas regiões retomem a aplicação de protocolos menos restritivos que os da bandeira preta, hoje vigente em todo o território gaúcho.

A ampliação da permanência de parte do reforço da Operação RS Verão Total se dá pela necessidade de continuidade de fiscalização mais intensa das medidas preventivas no período, em especial pela região ser o ponto em que há maior risco de aglomerações. Até a retomada da cogestão, seguem as restrições mais rígidas. Está proibido, por exemplo, a permanência nas faixas de areia, a abertura de quiosques e o uso de guarda-sóis, bem como o banho de mar e a abertura de estabelecimentos de atividades não essenciais entre 20h e 5h.

“Mais um vez reforço, não se trata de uma ampliação para o veraneio, muito pelo contrário. Ainda estamos no pior momento da pandemia, em alerta máximo, e justamente para que possamos retomar restrições menos graves daqui uma semana, precisamos até lá cumprir com todo rigor as medidas preventivas mais rígidas. Seguiremos também com as fiscalizações da Operação Te Cuida RS. E renovamos o apelo à população para que colabore, evitem as praias e qualquer tipo de aglomeração”, afirmou o vice-governador e secretário da Segurança Pública, delegado Ranolfo Vieira Júnior.

Carlos Ismael Moreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com