PREFEITURA DE IMBÉ PROPÕE EXIGÊNCIA DE EXAME TOXICOLÓGICO PARA SERVIDORES

Um projeto de lei tornando obrigatória a realização de exame toxicológico deverá ser encaminhado pela Prefeitura de Imbé à Câmara de Vereadores. O prefeito Pierre Emerim esteve reunido com a secretária municipal de Administração, Maria Luiza Gonçalves, e com o secretário municipal de Transportes, Oldair Arceno, na tarde desta segunda-feira (29) para debater as diretrizes que nortearão a proposição.

Conforme Pierre, a medida poderá ser aplicada pelo menos uma vez por ano para os servidores que ocupam os cargos de motorista, operador de máquina, vigilante patrimonial, guarda municipal e vigia. “Para os servidores os custos dos exames serão arcados pelo Município”, destacou o prefeito, lembrando que os exames de renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) dos motoristas também terão os custos arcados pela Prefeitura. Ainda segundo ele, os exames toxicológicos serão exigidos para os candidatos a estes cargos nos processos seletivos simplificados que possam ser realizados pela Prefeitura. “Nestes casos, os custos dos exames deverão ser bancados pelos candidatos”, disse.

A proposta visa resguardar a vida dos próprios servidores e também a garantia da excelência da prestação do serviço público. “Caso seja constatado exame positivo, serão aplicadas as penas da lei, inclusive, se for o caso, a demissão do serviço público”, concluiu Pierre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com