Governador visita no Hospital da BM policial ferido durante as manifestações da greve geral

O governador Eduardo Leite, acompanhado do vice-governador e secretário de Segurança Pública, Ranolfo Vieira Junior, do comandante da Brigada Militar, coronel Mario Ikeda, e do secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico, Ruy Irigaray, esteve na manhã desta quinta-feira (20/6), no Hospital da Brigada Militar, em Porto Alegre, para visitar o policial Matheus Lemos Borges, 28 anos, ferido no olho durante as manifestações ocorridas na semana passada.

Na conversa com o PM, o governador expressou o reconhecimento, em nome do Estado e do povo gaúcho, ao trabalho desenvolvido pela Brigada Militar e por todas as forças de segurança do Estado.

“Nossa vinda aqui, além de desejar teu restabelecimento, é uma manifestação de solidariedade e reconhecimento a quem está trabalhando na ponta, a ti e a cada um dos brigadianos e dos nossos agentes, que fazem valer o papel do Estado e o cumprimento das leis. São pessoas que arriscam a própria vida no dia a dia para garantir a segurança e as condições de convivência da sociedade”, disse Leite ao soldado.

O PM foi ferido por volta das 4h30 do dia 14, em Alvorada, durante ação em que manifestantes obstruíam a saída dos ônibus de uma empresa de transporte público.

Segundo a BM, o trabalho dos policiais era realizado no sentido de permitir a saída dos veículos, quando um objeto não identificado foi arremessado em direção ao soldado, que teve o olho direito atingido. O PM, que ingressou na corporação em 2016, passou por cirurgia e recupera-se no Hospital da BM.

O governador voltou a comentar a atuação das forças de segurança no dia das manifestações no sentido de garantir o livre direito de ambas as partes, de quem se manifestou pacificamente e de quem saiu de casa para trabalhar.

“A tentativa de impor, por parte de alguns grupos, a sua visão, através da obstrução e do enfrentamento à força policial, não condiz com o que a gente compreende como democracia. A Brigada atuou de forma qualificada e comprometida”, acrescentou.

Depois da visita ao PM, Leite percorreu alguns andares do hospital para acompanhar o trabalho desenvolvido na instituição de saúde. Ele foi acompanhado pelo diretor do Departamento de Saúde, coronel Igor Wolwacz Junior.

O HBM disponibiliza, atualmente, cerca de 50 leitos, destinados a brigadianos, familiares e pacientes do IPE. Com a conclusão da reforma em andamento, essa capacidade irá dobrar. Entre os serviços prestados pela instituição estão emergência, UTI, hemodinâmica, internação clínica e cirúrgica, agência transfusional e internação psiquiátrica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *