Esporotricose: Prefeitura de Tramandaí está oferecendo tratamento contra fungo que surge em gatos 🔎

A Prefeitura Municipal de Tramandaí, por meio do Centro Municipal de Vigilância em Saúde, está realizando o serviço de acompanhamento de animais que contraíram a Esporotricose.
O gato é o animal mais acometido desta zoonose, e por isso ela tem uma importância em saúde pública, já que animais contaminados podem transmitir aos seres humanos.
O fungo causador da esporotricose encontra-se na terra, nas árvores e em gatos contaminados que transmitem aos outros por arranhadura e brigas entre eles. O gato com esporotricose apresenta lesões de pele: de aspecto nodular, ulceradas e de difícil cicatrização normalmente na região das orelhas, olhos, focinho e patas. O tratamento é longo e exige muita dedicação do tutor.
Como o fungo é de difícil eliminação do ambiente, os meios de se combater são voltados ao animal, mantendo os gatos domiciliados, castrados e com acesso à rua controlado.
Se você possui um felino com esses sintomas procure a Vigilância em Saúde do Município e informe.
Vale lembrar que a Prefeitura está atenta e acompanhando os casos, além de dar assistência aos moradores desde o primeiro registro efetuado no município.
👉 O Centro Municipal de Vigilância em Saúde (CEMUVS), está localizado na Avenida Osvaldo Aranha 325, no bairro São Francisco. O telefone para contato é 3684-9085 e o email é vi.sanitariatramandai@gmail.com.
✍️ Texto: Alanna Hanna (ASCOM)
📷 Foto/imagem: Paola Damazio (ASCOM)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com